Histórico

Em 1987, realizou-se a I Fenadi – Festa Nacional das Culturas Diversificadas, que visou motivar e organizar os grupos étnicos que formam a comunidade de Ijuí, a fim de resgatar, incentivar e dinamizar as manifestações dos diferentes grupos étnicos e sua integração.

Nesse contexto, foi fundado em 09 de maio de 1987 o Centro Cultural 25 de Julho de Ijuí, que reúne famílias de descendência alemã e simpatizantes da cultura germânica.  Fundamentado em cinco Pilares:

I – Cultivar, propagar, difundir, preservar e pesquisar a história rio-grandense e brasileira em todos os seus aspectos, com ênfase da etnia alemã nas suas relações e origens teuto-brasileiras.

II – Promover cursos conferencia e outras atividades de caráter cívico, artístico-cultural, social e desportivo, que tenham por finalidade reviver e cultivar tradições legadas pelos antepassados e seus associados.

III – Estimular a coleção e guarda de objetos e documentos, assim como a preservação de monumentos e estilos arquitetônicos típicos da região, com finalidade de conservar estes valores a posteridade;

IV – Manter intercambio cultural com sociedades congêneres.

V – Desenvolver intensa atividade artístico-cultural em Ijuí, na região e Estado, efetuando diversas apresentações em vários Estados do Brasil e também no exterior, cultuando e propagando a cultura, tradições e costumes típicos da etnia alemã, nos aspectos das vestimentas, culinária língua, música, dança e memória.

Etnias

Afros

Centro Culturais Herdeiros de Zumbi

Alemães

Centro Cultural 25 de Julho Ijuí

Árabes

Casa de Cultura Árabe de Ijuí

Austríacos

Centro Cultural Austríaco de Ijuí

Espanhóis

Centro de Cultura Espanhola

Gaúchos

Associação Tradicionalista Querência Gaúcha

E do velho mundo, deixando quimeras, Partiram na espera do recomeçar… Da saga imigrante, nós somos semente E honrar esta gente nos põe a cantar!⁠⁠⁠⁠
(Chico Roloff)

Siga nas Redes Sociais

União das Etnias de Ijuí – Copyright © 2016 – 2020. Todos os direitos reservados.